SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO

O cidadão brasileiro do sexo masculino, no ano em que completa 18 anos, precisa se alistar no serviço militar obrigatório. Já para as mulheres é opcional.

O alistamento acontece sempre entre janeiro e abril na junta militar mais próxima.














A seleção é feita entre julho e outubro. Alguns já são dispensados nesta fase. Os que ficam terão de fazer exames físicos, culturais, psicológicos e morais. Os que passarem, então seis meses depois, passam por mais uma seleção de exames e, se aprovados, vão para cada quartel que esteja de acordo com seu perfil. Os que não passarem serão dispensados, agora por excesso de contingência.


É um grande processo em que todos os homens deverão passar. Os militares são reconhecidos por sua rigidez, organização e são grandes formadores de caráter.
















O jovem que conseguir carreira militar terá um grande futuro, pois como recruta já se recebe um salário mínimo. Se realmente seguir essa carreira (através de concursos) poderá subir para tenente e até mesmo capitão, isso depois de anos servindo e se especializando.


Para quem realmente quer servir e quer seguir carreira militar eu dou o maior apoio, tem meu total respeito e admiração.
Agora, eu sou contra a OBRIGATORIEDADE do alistamento.


Segundo a Veja.com “em 2006, dos 1.648.550 jovens que se alistaram, aproximadamente 73.200 (4,5%) foram de fato incorporados a alguma organização militar.”
Isso porque muitos já não queriam servir, outros porque não estavam física ou psicologicamente capacitados, entre outros motivos.


São processos de seleção de certa forma desnecessários. Porque HÁ MUITOS JOVENS QUERENDO SERVIR. E se o alistamento fosse opcional, apenas aqueles que REALMENTE DESEJAM seguir carreira militar iriam para os processos de seleção. Sendo assim, eles se preparariam física e psicologicamente para o desafio, e evitariam certas “dores de cabeça” ao próprio serviço, como os argumentos de quem tem que sustentar os familiares, está na faculdade, é pai de família etc. Ao mesmo tempo já evita preocupações de quem não está querendo servir e se vê obrigado e com medo de acabar sendo selecionado. E ainda assim haveria sobras, pois, como já disse, existem diversos jovens que estão fazendo isso porque sabem a importância da carreira militar. E para não deixar os jovens desinformados, bastava continuar com os comerciais de TV, os sites estarem explicando tudo, programação na rádio etc.























Neste dia 19, eu terei de passar pela seleção e realmente espero “sobrar” logo de cara. Mais uma vez digo que respeito e admiro muito quem quer ser militar e aos que já conseguiram isso. Sei o futuro que isso poderia trazer para mim, mas não é a carreira que quero seguir. Percebo que não nasci para isso.


Sempre declarei meu amor pelo Brasil, e evitar meu alistamento poderia ser uma “traição” à pátria, mas minha contribuição com o país poderia vir de outras formas, sendo algo que eu teria habilidade de fazer e que me traria maior satisfação pessoal.

*UPDATE: Dia 19 me apresentei e acabei sobrando :)

50 Response to "SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO"

  1. Isso é algo difícil de ser lidado atualmente. O medo, a insegurança e o fato de abrir mão da vida daqui de fora, distancia muitos homens dessa carreira.
    Particularmente dizendo, esse é um lado bom de ser mulher, rs.
    -

    http://palavracontemporanea.blogspot.com/

    Verdelone says:

    Complicada essa questão...
    Mas entendi seu argumento...
    Abçs
    CIA DOS BOTECOS - www.ciadosbotecos.blogspot.com

    Juηiøя says:

    Pode crer viu mano...


    parabens pelo texto e visite: http://adolescente-antenado.blogspot.com/

    Eu sou mulher entonces.

    sté says:

    Concordo plenamente! Apesar de ser mulher, sou contra a obrigatoriedade dos meninos terem que se alistar. Do mesmo jeito que uma pessoa escolhe que quer seguir a carreira de médico, ela pode escolher seguir a carreira militar.Os tiros de guerra é que deveriam se tornar mais atrativos aos jovens, sem precisar obrigar.

    Curti seu blog!

    Fabiano says:

    lembro que quando me alistei eu pensava a mesma coisa. não queria servir, mas não teve jeito. hj percebo que no alistamento a demanda é bem maior do que a procura pq o valor que um soldado recebe é superior ao salário mínimo. então é uma forma de mtos conseguirem uma carreira de sucesso. espero que tudo dê certo para vc.

    Leticia says:

    Verdade, tbm sou contra isso de ser obrigatóriooo...mas...fazer o que né...ainda bem que nasci mulher..rsrs...to brincando! Adorei seu bog, bem interessantee...Parabensss !!!! beijoss

    Pra que serve exatamente o exército mesmo hoje em dia?

    adorei o blog *-*
    seguindo
    http://equaseumvideoblog.blogspot.com/

    Tenho a mesma opinião quanto a obrigatoriedade do voto.

    Anônimo says:

    olha ... eu já dei uma explicação pareçida com essa em outro blog ...
    e já to cansando de ver isso ...
    primeiro ponto ...
    sou a favor do sistema forte de defesa que o meu país tenta proporcionar.
    para que seja feito esse " sistema forte " o exército precisa de tipos diversos de material humano ...
    geralmente os que querem são menos especializados , e não são compativeis com alguns cargos do exercito .... logo , é necessário que o alistamento seja obrigatório para que o exercito possa se servir do melhor material humano possivel para cada área !
    agora , se vc é contra a solidez do nosso sistema de defesa seja claro e conciso ...
    hipocrisia é uma coisa feia ...

    Meu amigo sobrou, e apesar de respeitando sempre acho que deveria ser opcional, até para os homens.

    pois é. pra que serve o exército hoje?

    ainda bem que moro numa cidade pequena, em que o alistamento não é obrigatório.

    abraço

    Realmente não entendo a obrigatoriedade...
    A carreira militar é muito boa, mas para os com tendências a este estilo de vida.
    Para que forçar se muitos com certeza já se alistariam sem a obrigatoriedade?
    Parabéns pelo texto.
    Já está lá na página de parceiros!
    ;D

    Se alistar é uma forma EXTRA de contribuir para o país, claro que você pode ajudar de outras formas, e deve, mas o alistamento é mais do que patriotismo e um dever, é a sua posição na defesa dos interesses nacionais. Sem dúvida não querer se alistar não é sinal de traição, desde quando ser contra algo obrigatório quer dizer traição? Assim como o voto é obrigatório. Também tem o lado das mulheres, que não são obrigadas a entrar e ainda para entrarem tem que seguir certas regras. Ora, o homem (macho, sexo masculino) sempre foi o símbolo de força e proteção, e pouco é só se alistar, quanta folga heim. Nos dias atuais o próprio exército faz a separação de quem realmente quer entrar no exército para que não tenha bixas la dentro fazendo 'corpo-mole'. O exército irá defender o teu, o meu, o nosso país quando precisar, não seja ingrato. E tem mais, não querer se alistar não quer dizer que você está "traindo", nem que você seja "bixa", até porque isso é uma questão de gosto, ou mais que isso, assim como alistar é obrigatório, votar também é (como eu já disse). Não seja ingrato ao seu país, ALISTE-SE!

    Anônimo says:

    Ao menos se você for convocado irá receber um salário mínimo, na minha cidade, você não recebe nada para prestar serviço militar.

    Anônimo says:

    Hoje digo de coração que me arrependo muito de não ter respondido que "SIM",gostaria de servir no exercito no dia em que fiz entrevista com o sargento da unidade na qual eu viria a servir.Mas infelizmente não podemos prever o futuro.......

    Anônimo says:

    estou em seria duvida se vou faser carreira, um lado sou preguiçoso, o outro faciomente perco a paciencia e gosto de guerras (não é experiencia de jogos mais uma vontade de estar lar).

    Anônimo says:

    Totalmente errada a matéria, como recruta nunca se chega a tenente e nem capitão, ao maximo a sargento e temporário ainda.... portante não se iluda com o serviço militar pois jah passei por tudo isso.Vale uma dica, se for querer ser algum militar faça uma escola de SGTs ou uma Agulha negra.

    Anônimo says:

    Realmente por alistamento o cara não vai a lugar nenhum, se quiser ser militar faça os concursos.

    Anônimo says:

    Apóio o a parte de ser contra o alistamento obrigatório, sou militar há dois anos e vejo que muitos dos recrutas vão embora pelo fato de conseguirem crescer dentro da organização, o que falta realmente é a informação dos concursos, para Sgt's de carreira ou temporário e Oficiais de carreira ou temporário.Muitos tem uma visão errada das Forças Armadas, principalmente quem vai se alistar, pensam que os militares são um bando de "cavalos" prontos para dar um coice a qualque momento, creio que a midía poderia ajudar um pouco mais tentando mudar essa face ruim que as Forças Armadas apresentam.

    WoW foda esse texto

    Na maior parte dos países "desenvolvidos" a inscrição para o serviço militar é opcional. Espero que no Brasil essa medida logo seja adotada.

    Estou servindo o exercito esse ano.

    esse é sem duvida o melhor ano da minha vida!

    BRASIL ACIMA DE TUDO!

    http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=13540429136490628950

    1º Tenente Rocá says:

    Sou militar, e posso assegurar que se vc tiver o curso superior é melhor uma vez que já entramos como aspirantes a oficiais e não ralamos tanto como os recrutas. Recruta vira só soldado e serve só pra receber ordens, aspirante vira 2º Tenente e manda muito mais, come melhor, não é humilhado igual a um recruta que só tem a certeza de que ficará um ano caso não enganje.Enfim, faça um curso superior e depois o NPOR no exército, seja um oficial e não um recuta!!!

    Anônimo says:

    Eu servi um ano.

    Pura perda de tempo. Total e irrestrita.

    O que aprendi? a montar um mosquefal em 8 segundos, como ser humilhado e tudo.

    Eu estava em meu primeiro ano de faculdade. Nenhum dos oficiais tinha qualquer respeito pelo meu curso, inclusive marcando atividades em dias que eu tinha coisas importantes na facul.

    O serviço militar matou meu patriotismo. 1 ano da minha vida me foi roubado.

    10 anos depois, tenho a certeza que foi a coisa mais estúpida pela qual já fui obrigado a participar.

    oi!!
    eu sou 3° Sgt do Exército
    comecei como recruta, no alistamento
    eu so keria mi pronunciah qnto o q vc disse sobre ser OBRIGATÓRIO.
    NÃO EH!!!
    a obrigatoriedade eh o alieamento
    a constituição diz q se vc nom kiser servir vc nom serve, por kestões morais, politicas ou religiosas...
    fik a dik!!
    abraços

    como dizia Raulzito em uma de duas músicas:

    "Mamãe eu num queria, servir o exército... Se fosse tão bom assim mainha, num seria imposição"

    blogattao says:

    Sempre tive vontade de seguir carreira militar, mas nunca tive coragem :D

    muito bom o blog!

    Graças a DEUS fui dispensado, gostaria de servir, mais não nesse momento de minha vida, talvez mais para frente! parabéns muito bom o blog =D


    Tenho uma nova escritora no meu blog, se puder passa lá e lê o trabalho dela, chama-se:
    “E o desespero!? Tenta me controlar”

    http://assunto-jovem.blogspot.com/

    pode ser? Depois nos fala o que achou. ;)

    Carlos says:

    Quanto o cara que falou que na NPOR ou CPOR os alunos não sofrem tanto quanto ou sofrem humilhações como os soldados, está redondamente engandado.
    Apesar de depender muito de quem está liderando os alunos, geralmente quem está nas escolas sofre MUITO mais, tem mais acampamentos(que é a pior coisa que acontece durante a estadia), os acampamentos que são junto com os soldados geralmente duram 2 dias a mais. Caso façam algo errado a represália é MUITO PIOR, a humilhação é muito pior, porque, segundo eles, aluno tem que aprender a mandar, e pra aprender a mandar é só sabendo obedecer muito mais que um soldado.

    Anônimo says:

    Eu me alistei em abril e a mulher disse que eu tenho que voltar esse mês, não sei porque...
    Tô com medo de ser chamado, muito medo mesmo!
    Honra a pátria? HEUAHIUEAHEUIHAUI'
    tá de sacanagem comigo!
    honrar essa grande merda chamada Brazil, que só abriga políticos corruptos, o tiro come solto pelos assaltantes e o respeito tá por fora?!
    Não.
    Se me chamarem eu vou servir na maior mal vontade do mundo!

    Anônimo says:

    MEU BIZAVO COMBATEU NA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL, MEU VO PASSOU PELO SERVIÇO MILITAR, ASSIM COMO O MEU PAI. E EU DISSE Q SIM, SOU VOLUNTARIO, E PACEI PELO SERVIÇO MILITAR NO ANO DE 2009. FUI RECRUTA DOS MAIS PICA FUMO.PASSEI POR MOMENTOS MUITO COMPLICADOS

    RALEI MEU JUELHO E COTOVELOS RASTEJANDO....

    BOTEI A CARA NA LAMA....


    SENTADO UM DOIS, DE PE UM DOIS

    ORDEM UNIDA ATE O TALO

    QUASE DESMAIEI NO PRIMEIRO TFM (TREINAMENTO FISICO MILITAR)


    O PDA TOCO NO MEU PRIMEIRO SERVIÇO DE GUARDA (FOI UM ZARALHO, UM MONTE DE EV BIZONHO Q NAO SABIO O Q FAZER)


    TIREI SERVIÇO DE GUARDA ATE O TALO, EM NOITES FRIAS E COM CHUVA

    AMANHECI DEITADO NA GRAMA COBERTA POR GELO, DEPOIS DE CAMINHA 16 KM DURANTE A NOITE CARREGANDO UM FAL, NUM FRIO DO CAO Q FAZ NA SERRA GAUCHA...


    SOFRI MUITO POIS ERA BEM GORDINHO. EM 6 MESES PERDI UNS 17 KL/g. TINHA MOMENTOS Q DAVA VONTADE DE LARGA TUDO E IR EMBORA.


    APRENDI MUITA COISA COMO A CAMARADAGEM COM OS COLEGAS, COMPORTAMENTO..............

    É MUITO DURO PASSA POR TUDO ISSO, MAS SAO COISAS Q EU VOU LEVA PRO RESTO DA VIDA,GRANDES AMIZADES E APRENDIZADOS, O EXERCITO É UMA GRANDE ESCOLA PRA VIDA.

    NO QUARTEL FIZ COIZAS Q EU NUNCA TERIA FEITO NA VIDA

    ATIREI DE FUZIL FAL 7.62
    ATIREI DE 12
    CANHAO 40 MM ANTIAERIO.

    2009 FOI O MELHOR E O PIOR ANO DA MINHA VIDA.

    EU ACHO Q TODO JOVEM Q COMPLETA 18 ANOS DEVERIA PASSAR PELO SERVIÇO MILITAR.

    HOJE EU POSSO VER A CARA DE ALEGRE DO MEU PAI, NAS FOTOS DO DIA Q EU GANHEI A MINHA BOINA GRENA.

    E EU ESPERO PODER ENTREGAR A BOINA DO MEU FILHO, QUANDO CHEGAR A VEZ DELE, ASSIM COMO EU E O MEU PAI.


    DEICHEI O MILITARISMO,
    IERARQUIA E
    DICIPLINA

    VOLTEI PRA VIDA CIVIL E NAO ME AREPENDO DE NADA Q FIZ.

    Acho que não deveria ser obrigatório para os homens, mas se não fosse assim, poucos escolheriam seguir tal profissão!

    Bacana seu blog, seguindo. Se puder, siga o meu tbm. :D

    http://realnovirtual.blogspot.com/

    Jenny says:

    bah. eu sinto muita vontade de servir ao exercito. Tenho certeza que aprenderia muita coisa. Mas até hoje em dia a mulher sofre um pouco de preconceito com isso.

    muito bom o blog hein!!
    =D

    otimo o blog, paarabens =)

    Juηiøя says:

    QUERIA SER JOGADOR DE FUTEBOL

    GANHAM MUITO BEM

    PARABÉNS PELO BLOG

    Não gosto da obrigatoriedade do alistamento assim como você e vejo que o exercito é algo as vezes sem lógica, não gosto, não gosto de nada que lembre guerra, um exercito sim para proteger o cidadão, não para apoiar nações em guerra, tudo que tire a vida de pessoa eu condeno

    nath says:

    Concordo plenamente com você, só deve se alistar quem pretende seguir carreira na area militar, essa obrigatoriedade é sem cabimento.
    ;*

    acho injusto ser obrigatorio sendo q o Brasil nem ta em guerra

    Meus pesares, não que o serviço militar não seja honroso, mas eu acho que tudo que tenhamos que ficar ligados e confinados por um tempo médio para mim é a morte, adoro ser livre, ainda bem que não fui selecionado... na época que tinha 18 anos...

    O simples fato de fazer algo contra sua própria vontade já desanima muitos dos jovens. Sempre temi este momento, mas fico tranquilo, pois sei que não serei aprovado. HAHA'

    Eu sempre tive vontade de seguir carreira militar, e é o que pretendo fazer assim que terminar a minha faculdade. Adorei o post.

    ;D

    Leoo says:

    cara, teu blog, eh bom
    deve ter dado trabalho pra faez

    Blogueiro prestando serviço à nação... estranhei o post, mas tudo bem, cada um posta o que quiser (os meus posts muitos também estranham, né!)... valeu!

    FILhote says:

    oi rafael
    sou militar e tenho algunas coisas pra falar.
    eu acredito na obrigatoriedade do alistamento
    embora tenhan mais jovens querendo servir do que eh necessario.
    boa pra respaldar isso
    eh que podemos saber quantos jovens entre a idade de alistamento estrian disponiveis en caso de necessidade
    e outra eh que nen todos que queren poden.
    falo isso pq participo da selecao deles todos os anos...

    Gui says:

    Ahh..eu não quero servir qnd chegar... :/

    bem, eu sinceramente não tenho muito a falar, não me vejo no exercito, claro que é uma forma de ajudar o país, porem prefiro ajudar da minha forma, até pq tenho ideologias que não dariam certo dentro da vida militar, mas não é o caso de ficar falando delas agora, não é mesmo?


    http://bonecozumbie.blogspot.com/search/label/CONTOS

    Anônimo says:

    na minha opiniao eu concordo, todos tem q ser obrigados a se alistar (homens) pelo menos se todos se alistassem não existiria tantos bandidos como tem! eu tenho 15 anos e desejo servir o quartel! vlw!

    Anônimo says:

    o luiz brisa nao é só pq o brasil nao esta na guerra q nao precisamos de soldados, vai q um pais tenta atacar ele derrepente dai nos nao teremos nem um soldado.vc é burro!

Postar um comentário

Powered by Blogger